quarta-feira, 18 de outubro de 2017

‘VOCÊS PETISTAS NUNCA RECEBERAM O LULA PARA ALMOÇAR; EU JÁ’, PROVOCA MALUF

18/10/2017 
Imagem relacionada

Ferrenho defensor do presidente Michel Temer durante a votação da primeira denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR), o deputado Paulo Maluf (PP-SP) voltou a fazer uma defesa enfática do peemedebista nesta terça-feira, 17, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Em seu discurso durante a sessão de debates sobre a segunda denúncia, Maluf acusou o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot de fazer “terrorismo” contra a economia brasileira ao pedir a abertura de nova investigação contra o peemedebista. 
Maluf foi condenado em maio pela Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) a 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado e à perda do mandato na Câmara, pelo crime de lavagem de dinheiro. 
A denúncia contra o deputado foi oferecida por Janot em outubro de 2014 em razão de irregularidades na prestação de contas da campanha de 2010. Admitindo ser um homem polêmico e ressaltando que tem orgulho disso por dizer o que pensa, Maluf disse que conhece Temer há mais de 30 anos e que ele foi eleito por três vezes presidente da Câmara porque seu colegas reconheceram nele “valores que o dignificam”. Membro da CCJ, Maluf lembrou que já presidiu seu partido e que, assim como Temer pediu recursos para o então candidato à Prefeitura de São Paulo, Gabriel Chalita, ele também o fez em outras campanhas. “Eu pedi e Michel Temer também”, declarou. Em uma clara provocação aos petistas, Maluf lembrou que apoiou a candidatura de Fernando Haddad para a Prefeitura paulistana e que, na ocasião, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi almoçar em sua casa para pedir apoio ao candidato petista em 2012. “Vocês petistas nunca receberam o Lula para almoçar. Eu já”, provocou. Estadão.

LULA TINHA ‘PLENO CONHECIMENTO DAS PROPINAS DO MENSALÃO’, DIZ PEDRO CORRÊA

18/10/2017 
Resultado de imagem para LULA TINHA ‘PLENO CONHECIMENTO DAS PROPINAS DO MENSALÃO’, DIZ PEDRO CORRÊA

O ex-deputado Pedro Corrêa (ex-PP/PE) afirmou, em delação premiada, que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tinha ‘pleno conhecimento da arrecadação de propinas no âmbito do Mensalão’ e que participou da indicação do ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás Paulo Roberto Costa. 
Segundo o ex-parlamentar, Lula ‘tinha a convicção e certeza de que os partidos iriam usar essas pessoas [indicados a cargos em estatais] iriam arrecadar junto aos empresários recursos para fazer campanha política’. 
Pedro Correa ainda relacionou os esquemas que envolviam o Mensalão à arrecadação de propinas em cargos de indicação partidária em estatais. 
O ex-parlamentar, cassado no Mensalão e condenado na Lava Jato a 29 anos e 5 meses (segunda instância), já havia incriminado o ex-presidente em depoimento como testemunha no âmbito do processo envolvendo o triplex no Guarujá, no qual Lula foi condenado a 9 anos e 6 meses de prisão. Sua delação foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal em agosto. 
Corrêa afirmou que ‘Lula tinha pleno conhecimento de que o mensalão não era caixa dois de eleição, mas sim um esquema de arrecadação de propina para manutenção dos partidos na base aliada. 
Ele ainda afirmou que Lula ‘tinha convicção de que a propina arrecadada junto aos órgãos governamentais era para que os políticos mantivessem as suas bases eleitorais mantidas com as propinas e continuassem a integrar a base aliada do governo, votando as matérias de interesse do executivo no Congresso Nacional, para evitar o que ocorreu com Fernando Collor’. Estadão

MORO ADMITE PRESSÕES CONTRA LAVA JATO E NEGA QUE SERÁ CANDIDATO

18/10/2017
Imagem relacionada

O juiz federal Sérgio Moro, que atua na 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba, responsável por julgar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outros réus da Operação Lava Jato sem foro privilegiado, admite que está em curso uma tentativa de frear os processos contra a corrupção, mas afirma que por enquanto não surtiu efeitos consideráveis. 
Ele fez a afirmação durante entrevista ao jornalista Gerson Camarotti, no programa Globonews Entrevista exibido na noite desta terça-feira, 17, pelo canal pago Globo News. 
O juiz negou de forma enfática que será candidato a qualquer cargo público. “Existem pessoas que se aproveitam de posições de poder não para agir em benefício de todos, mas para agir em benefício privado, e isso é extremamente frustrante”, afirmou. 
“Sempre existem aqueles que viveram desse sistema (corrupto), e essas pessoas se sentem assustadas se há uma perspectiva de que o sistema mude.
Há pessoas que vão ter a ousadia de tentar evitar essas transformações no sistema”, continuou o juiz. 
“Aqueles que adotam a postura de tentar frear os processos contra a corrução têm uma postura vergonhosa. Não obstante, até o momento nada de muito efetivo foi conseguido por essas pessoas. 
Esses trabalhos contra a corrupção, em que pesem sombras de retrocesso, ainda contam com o apoio esmagador da opinião pública e da sociedade civil”, afirmou Moro. 
O juiz é contra mudanças na regra que permite a prisão após julgamento em segunda instância: “No início de 2016 houve uma percepção por parte do Supremo Tribunal Federal de que a impunidade e a corrupção sistêmica andavam juntas. 
Não que a impunidade seja a única causa da corrupção, mas o fato de graves casos de corrupção não encontrarem uma resposta da Justiça acaba servindo como estímulo ao comportamento criminoso. 
Os riscos de ter a prisão de inocentes após um julgamento em primeira e segunda instância são diminutos. 
A regra anterior, em que se esperava até o final (do rol de recursos para prender o condenado), favorecia apenas criminosos poderosos, que tinham condições de contratar advogados habilidosos e que conseguiam manipular o sistema para prevenir a efetiva responsabilização. 
É fundamental essa mudança (ocorrida em 2016). Essa movimentação para rever esse precedente eu espero que não aconteça. Acredito que os ministros (do STF) serão sensíveis a essa percepção”. Estadão  
BZ-Numa longa entrevista ao repórter da Globonews, Gerson Camarotti, o juiz Sérgio Moro deu um show de sobriedade. Não deixou nenhuma pergunta sem resposta, a não ser em relação aos processos em andamento contra o Lula, por motivos óbvios. 

DOS 44 SENADORES QUE VOTARAM A FAVOR DE AÉCIO, 19 SÃO ALVO DA LAVA JATO

18/10/2017
Resultado de imagem para DOS 44 SENADORES QUE VOTARAM A FAVOR DE AÉCIO, 19 SÃO ALVO DA LAVA JATO:charges

Dos 44 senadores que votaram nesta terça-feira, 17, para derrubar as medidas cautelares impostas ao tucano Aécio Neves (MG), ao menos 19 (43,2%) são alvo da Operação Lava Jato. 
A maior parte deles (10) é do PMDB, partido que mais deu votos a favor do senador mineiro – foram 18 no total. 
Apenas dois senadores do PMDB votaram por manter a decisão da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) que afastou e determinou o recolhimento noturno de Aécio. 
Foram contrários ao tucano Kátia Abreu (PMDB-TO), também alvo da Lava Jato, e Roberto Requião (PMDB-PR). Também partiu dos investigados as defesas mais enfáticas para que o Senado barrasse as restrições impostas a Aécio. 
O líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), por exemplo, foi um dos cinco a discursar em defesa do tucano. 
Mesmo em recuperação de uma cirurgia, ele descumpriu recomendação médica para participar da sessão e ajudar a “salvar” o colega. 
“Quis Deus que eu tivesse a saúde para que, depois de operado, estivesse aqui hoje também para falar desta tribuna como último orador”, disse o senador no discurso. 
Também fazem parte da lista nomes como Renan Calheiros (PMDB-AL), Jader Barbalho (PMDB-MA) e Valdir Raupp (PMDB-RR). 
No PSDB, que deu 10 dos 11 votos possíveis a favor do correligionário, três senadores são alvo da Lava Jato: Antonio Anastasia (MG), Cássio Cunha Lima (PB) e José Serra (SP). 
Apenas Ricardo Ferraço (ES), também investigado, não compareceu à votação. 
Dos 26 que votaram contra o tucano, seis são alvo da Lava Jato. 
Entre eles o senador Lindbergh Farias (PT-RJ), líder da bancada. 
O partido chegou a divulgar uma nota, logo após o afastamento de Aécio, na qual defendeu o enfrentamento com o Supremo, mas recuou após repercussão negativa. Estadão

ROSA WEBER SERÁ RELATORA DE AÇÃO CONTRA FUNDO ELEITORAL BILIONÁRIO

18/10/2017 
Resultado de imagem para ROSA WEBER SERÁ RELATORA DE AÇÃO CONTRA FUNDO ELEITORAL BILIONÁRIO

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi sorteada nesta terça-feira, 17, para ser a relatora da ação direta de inconstitucionalidade ajuizada pelo Partido Social Liberal (PSL) contra o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC). 
O partido quer suspender o fundo, estimado em R$ 1,7 bilhão, que será composto por 30% dos recursos de emendas parlamentares.A nova legislação foi sancionada pelo presidente Michel Temer no início deste mês e é uma alternativa ao financiamento empresarial, declarado inconstitucional pelo STF em 2015.
Considerada uma das ministras mais rigorosas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa deverá assumir a presidência da Corte Eleitoral em agosto do ano que vem, durante as eleições de 2018.
O atual presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, termina o mandato na Corte Eleitoral em fevereiro do próximo ano. 
O ministro Luiz Fux ocupará a presidência do tribunal até agosto de 2018. Estadão 
BZ-Sinceramente esperamos que a ministra não se amofine, com fez a ministra Carmem Lúcia. Defenda o povo Ministra!

DEPUTADO BAIANO APRESENTA PROJETO QUE SUSPENDE PORTARIA SOBRE TRABALHO ESCRAVO

18/10/2017 
Resultado de imagem para deputado Daniel Almeida

Um Projeto de Decreto Legislativo (PDC) com o objetivo de interromper a aplicação da Portaria 1.129/2017, publicada nesta segunda-feira (16) pelo Ministério do Trabalho, que altera o conceito de escravidão e flexibiliza as regras da Lista Suja do Trabalho Escravo foi apresentado pelo deputado federal Daniel Almeida (PCdoB-BA). 
“Esta portaria tem aspectos de ilegalidade e o PDC é um instrumento legislativo para impedir a usurpação de competências. Além disso, essa portaria vem num esforço do governo de comprar votos e parlamentares, especialmente atendendo a bancada ruralista”, disse o deputado. Bahia Notícias

SENADORES BAIANOS VOTAM PELO AFASTAMENTO DE AÉCIO

18/10/2017 
Resultado de imagem para SENADORES BAIANOS VOTAM PELO AFASTAMENTO DE AÉCIO
WalterPinheiro, Lídice da 
Como já era esperado, os três senadores baianos, Otto Alencar (PSD), Lídice da Mata (PSB) e Walter Pinheiro (sem partido), votaram pela manutenção das medidas cautelares da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG). 
Pinheiro, inclusive, pediu exoneração do cargo de secretário estadual de Educação para retomar seu mandato de senador e votar a favor do afastamento do senador tucano, na sessão realizada na tarde desta terça-feira (17). 
As medidas cautelares impostas pelo STF ao senador mineiro foram barradas pelo Senado com 44 votos a favor e 26 contra. Aécio, denunciado por receber propinas de R$ 2 milhões de executivos da JBS, poderá reassumir sua cadeira no senado, após mais de 20 dias afastado. Política Livre 
BZ-Parabéns aos senadores baianos. 

“VOLTAMOS AO TEMPO DA ESCRAVIDÃO”, DISPARA BACELAR SOBRE PORTARIA DE TEMER

18/10/2017
Resultado de imagem para Trabalho escravo: Charges

O deputado Bacelar (Podemos/BA) aproveitou o Dia Mundial de Erradicação da Pobreza, comemorado nesta terça-feira (17), para criticar a edição da portaria do governo federal que altera os conceitos de trabalho escravo no Brasil e deixa nas mãos do ministro da área, a inclusão de nomes na chamada “lista suja”. 
A relação garante transparência e engloba todas as empresas que desrespeitam os direitos trabalhistas. Para Bacelar, a medida dificulta a libertação de brasileiros que são tratados como escravos e facilita a corrupção. 
“A divulgação da lista suja deixa de ser técnica e passa a ser exclusivamente política. Voltamos ao tempo da escravidão. 
A edição dessa portaria abre uma insegurança jurídica e coloca nossos trabalhadores em uma situação vulnerável”, disparou. 
Ele disse que portaria atende a antigas reivindicações da bancada ruralista, publicada em meio às articulações de Michel Temer para escapar da segunda denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente. 
“Estão todos de mãos dadas com a escravidão. Os conceitos de trabalho escravo estão vigentes desde 2003 e essa conquista está se dissipando durante o mandato desse presidente golpista, que só governa em causa própria”. 
O deputado do Podemos ainda classificou a decisão do governo como afronta à legislação vigente e às convenções internacionais. 
Bacelar acusou o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, de ser cúmplice de Temer no desmonte da rede de proteção social do trabalhador. 
“É um absurdo o que estão fazendo. Já mudaram a CLT, querem mudar a previdência e, agora, mais esse absurdo. Todos são coniventes, todos estão contribuindo ainda mais para a pobreza extrema no Brasil. Nós éramos referência mundial contra o trabalho escravo e, infelizmente, não somos mais. 
A erradicação da pobreza e da miséria é o único caminho para a construção de uma nação justa e segura”. Política Livre 
BZ-O capitalismo ainda é o melhor regime, mas tem que ser fiscalizado, controlado para evitar os excessos. O lucro justo deve é sagrado para o capitalismo. O lucro abusivo é criminoso e deve ser punido com a força da Lei

terça-feira, 17 de outubro de 2017

"THE ECONOMIST": CHINÊS XI JINPING É O LÍDER MAIS PODEROSO DO MUNDO

17/10/2017 
Resultado de imagem para THE ECONOMIST': CHINÊS XI JINPING É O LÍDER MAIS PODEROSO DO MUNDO: charges

A revista The Economist dessa semana traz Xi Jinping na capa, como o homem mais poderoso do mundo. 
A publicação aponta o líder chinês como o maior influente, passando Donald Trump, e alertando que o mundo precisa ser cauteloso com ele. 
A publicação comenta o hábito dos presidentes americanos em descrever os líderes chineses com admiração. 
Richard Nixon disse a Mao Zedong que seus escritos “mudaram o mundo”. Jimmy Cartes atribuiu adjetivos lisonjeiros como “inteligente, duro, franco, corajoso, agradável, seguro de si e amigável” para Deng Xiaoping. 
Bill Clinton descreve Jiang Zemin como “visionário” e “um homem de extraordinário intelecto”. 
O atual presidente, Donald Trump não fugiu da regra. 
O Washington Post cita uma fala do norte-americano dizendo que o atual líder da China, Xi Jinping, é “provavelmente o mais poderoso” que o país já teve em séculos.
A revista concordo e acredita que a fala poderia ser complementada com a afirmação de que “Xi Jinping é o líder mais poderoso do mundo”. 
Nessa edição o Brasil é tema de uma matéria sobre o financiamento das campanhas para as próximas eleições no país. O Congresso começa a lidar com as causas da corrupção. Diário do Poder

VOTAÇÃO SOBRE AFASTAMENTO DE AÉCIO DEVE TER AUSÊNCIA DE 12 SENADORES

17/10/2017


Pelo menos 12 senadores devem se ausentar da votação que pode derrubar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que impõe medidas restritivas ao senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG), prevista para esta terça-feira, 17. 
O tucano precisa de 41 votos dos 81 senadores para derrubar a decisão da Corte e retomar o mandato.
Aliados de Aécio consideram que seria necessário um quórum mínimo de 70 senadores no plenário para iniciar a votação. 
Caso contrário, há um movimento entre alguns líderes partidários para adiar a apreciação para quarta-feira, 18.
Entre os faltosos está o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR) considerando um dos principais articuladores da Casa. 
Ele se recupera de uma diverticulite e, segundo a assessoria de imprensa, só deve voltar às atividades parlamentares daqui a dois dias.
O líder do DEM, Ronaldo Caiado (GO) está de licença médica por 15 dias após ter fraturado o úmero ao tentar domar uma mula em sua fazenda na cidade de Mara Rosa, na semana passada.
Além deles, os senadores Armando Monteiro (PTB-PE), Ricardo Ferraço (PSDB-ES), Ricardo Muniz (PP-BA) e Cristovam Buarque (PPS-DF) também não estarão no Senado nesta terça-feira, 17, pois estão em missão especial nos Emirados Árabes.Já Jorge Viana (PT-AC), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Gleisi Hoffmann (PT-PR), Sérgio Petecão (PSD-AC) e Roberto Muniz estão na Rússia. 
O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), estava na mesma missão, mas antecipou o seu retorno para hoje. Os senadores Antonio Anastasia (PSDB-MG) e Ciro Nogueira (PP-PI) desistiram da viagem e permaneceram no Brasil.
A senadora Ana Amélia (PP-RS) também cancelou uma viagem para a Itália, onde participaria de um congresso esta semana sobre diabetes.
Ela adiantou que votará contra Aécio. “O mais importante é ficar aqui e votar pelos interesses do País.”A votação sobre o afastamento de Aécio já começará com dois votos a menos (79). 
De acordo com o regimento interno do Senado, o presidente da Casa só vota em caso de empate. Como Aécio está afastado, também não poderá participar da apreciação. Estadão 
BZ-Quanto menor o número de senadores na sessão, tanto pior para Aécio Neves que precisa amealhar pelo menos 41 votos a seu favor.

DEFESA DE DILMA USARÁ DELAÇÃO DE FUNARO PARA PEDIR ANULAÇÃO DO IMPEACHMENT

17/10/2017
Resultado de imagem para DEFESA DE DILMA USARÁ DELAÇÃO DE FUNARO PARA PEDIR ANULAÇÃO DO IMPEACHMENT

A defesa da ex-presidente da República Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira, 16, que vai utilizar a delação do corretor Lúcio Funaro, divulgada na última sexta-feira, para pedir a anulação do processo que resultou em impeachment no ano passado. 
Em nota, o advogado da petista, José Eduardo Cardozo, afirmou que o depoimento de Funaro mostra que “o ex-deputado Eduardo Cunha comprou votos de parlamentares em favor do impeachment”. 
A defesa deve entrar com pedido na terça-feira, 17. “Entendemos que na defesa da Constituição e do Estado Democrático de direito, o Poder Judiciário não poderá deixar de se pronunciar a respeito, determinando a anulação do impeachment de Dilma Rousseff, por notório desvio de poder e pela ausência de qualquer prova de que tenha praticado crimes de responsabilidade”, diz a nota. Estadão 
BZ-De sã consciência, será que alguém acredita na possibilidade de retorno da Dilma?

PF LEVA MALOTES DO GABINETE DO DEPUTADO LÚCIO VIEIRA LIMA

17/10/2017
Imagem relacionada

Depois de quatro horas de trabalho, policiais federais deixaram hoje as 9h45 o gabinete do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), na Câmara, onde realizaram operação de busca e apreensão, a pedido da Procuradoria Geral da República.
O parlamentar é irmão do ex-deputado e ex-ministro Geddel Vieira Lima, que está preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília. Geddel é suspeito de ser dono de R$ 51 milhões encontrados em um apartamento em Salvador.
O gabinete de Lúcio é o de número 612 e fica no Anexo 4 da Câmara. Servidores do Congresso Nacional que viram os policiais federais deixando o prédio disseram que eles levavam malas e malotes com material apreendido. Agência Brasil

MPF VÊ ‘INDÍCIOS’ DE LIGAÇÃO DE IRMÃO DE GEDDEL COM BUNKER DE R$ 51 MI

17/10/2017 
Resultado de imagem para MPF VÊ ‘INDÍCIOS’ DE LIGAÇÃO DE IRMÃO DE GEDDEL COM BUNKER DE R$ 51 MI
Geddel e "Bitelo"
A Procuradoria-Geral da República aponta ‘indícios’ do envolvimento do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB/BA) ‘no recolhimento e guarda’ da fortuna de R$ 51 milhões em dinheiro vivo encontrada em um apartamento no bairro da Graça, em Salvador, no dia 5 de setembro. 
A pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, autorizou buscas no gabinete de Lúcio na Câmara e na residência dele, em Salvador, localizada em um prédio vizinho ao do irmão Geddel Vieira Lima, preso na Papuda, em Brasília, na Operação Tesouro Perdido.
Nesta segunda-feira, 16, a PF fez buscas em quatro endereços ligados a Lúcio e ao secretário parlamentar dele, Job Ribeiro Brandão. A PF apreendeu documentos e mídias. 
A Operação Tesouro Perdido, inicialmente, estava sob responsabilidade da 10.ª Vara Criminal Federal em Brasília. 
Mas acabou sendo deslocada para competência do Supremo por causa do suposto envolvimento do deputado, que detém foro privilegiado na Corte máxima – segundo o empresário Silvio Antonio Cabral da Silveira, foi Lúcio quem pediu emprestado o apartamento no bairro da Graça, em Salvador, para estocar a fortuna. 
Segundo a Procuradoria-Geral, ‘o envio do caso ao STF deu-se em consequência de os investigadores terem encontrado indícios de envolvimento do parlamentar, que é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima no recolhimento e guarda do dinheiro’. 
Ao todo, a PF cumpriu quatro mandados de busca e apreensão. “As medidas cautelares são um desdobramento das investigações que apuram a origem e a responsabilidade por R$ 51 milhões apreendidos, em Salvador, no dia cinco de setembro. 
Dos quatro endereços vistoriados pelos policiais federais, três são ligados a Lúcio Vieira e um, a seu secretário parlamentar, Job Ribeiro Brandão.” As cautelares foram solicitadas por Raquel Dodge, ‘após as investigações iniciadas na primeira instância, no âmbito da Operação Cui Bono, terem sido enviadas ao Supremo Tribunal Federal, na parte referente às investigações do crime de lavagem de dinheiro’. 
“O envio do caso ao STF deu-se em consequência de os investigadores terem encontrado indícios de envolvimento do parlamentar, que é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima no recolhimento e guarda do dinheiro”, assinala a Procuradoria. 
Além das cautelares, a procuradora-geral pediu que as investigações relativas à Operação Cui Bono, que apura irregularidades na Caixa Econômica Federal, continuem sob competência da primeira instância. 
A ordem para as medidas cautelares foram dadas pelo ministro Edson Fachin como desdobramento da Operação Tesouro Perdido. Estadão
BZ-Notar que esta foi a primeira operação de vulto autorizado pela nova Procuradora Raquel Dodge,

IRMÃOS BATISTA VIRAM RÉUS POR USO INDEVIDO DE INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA

17/10/2017
Resultado de imagem para os irmãos batistas: charges

A Justiça Federal em São Paulo aceitou hoje (16) a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra os empresários Joesley e Wesley Batista, sócios da JBS, e os tornou réus pela prática dos crimes de manipulação do mercado e uso indevido de informação privilegiada.
“Considero existirem suficientes indícios de autoria em relação a cada um dos imputados, havendo, portanto, justa causa para o prosseguimento da persecução penal”, destacou na decisão o juiz federal João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Federal Criminal em São Paulo.
Segundo a denúncia do MPF, os empresários e dirigentes do grupo JBS lucraram R$ 100 milhões com a compra de dólares poucos dias antes do vazamento do acordo de delação premiada que fizeram com a Procuradoria-Geral da República (PGR).
Eles teriam também vendido R$ 327 milhões em ações da JBS enquanto seus executivos negociavam o acordo com a PGR. O MPF afirma que os empresários sabiam que a delação causaria a queda das ações da JBS e a alta do dólar e atuaram para reduzir o prejuízo.
O MPF aponta Wesley como responsável pela compra dos dólares, por isso está sujeito a pena de até 18 anos de prisão. 
Já Joesley teria articulado a manipulação do mercado e pode pegar pena de 13 anos.
Os irmãos Batista já estão presos desde 9 de setembro na carceragem da Superitendência da Polícia Federal em São Paulo. 
A Agência Brasil procurou a defesa de Joesley e Wesley Batista para comentar a decisão, mas não teve retorno até a publicação desta reportagem. Agência Brasil 
BZ-Como diz o ditado, “esperteza quando é demais, vira bicho e come o dono”. Esses marginais ricos já eram milionários, e não precisavam de tanto dinheiro. Mas a volúpia de ganhar e acumular dinheiro parece ser maior que qualquer risco, qualquer ação. O resultado aí está: presos.

“NOTÍCIAS FALSAS”

17/10/2017 
Resultado de imagem para encantado com o temer: charges

O editorialista do Estado de S. Paulo está tão encantado com Michel Temer que, segundo ele, os depoimentos de Lúcio Funaro inocentam o presidente. 
Leia aqui: “Não há dúvida de que a revelação das gravações de Lúcio Funaro, nas circunstâncias em que ocorreu, causa sério dano ao País. 
Ela alimenta artificialmente uma turbulência política que atrasa a retomada do crescimento econômico e dificulta a melhora das condições sociais da população, especialmente de quem está socialmente mais vulnerável. 
Ao mesmo tempo, a difusão de acusações que ainda não foram comprovadas não contribui para o esclarecimento de crimes eventualmente cometidos.
Não se combate a corrupção com esse tipo de vazamento, que alimenta a produção de novos escândalos, com seus pérfidos efeitos sobre o País e a população (…). 
No caso concreto, há ainda um problema adicional, já que a divulgação dos vídeos foi ocasião para a difusão de muitas notícias falsas, dando a entender que o conteúdo incriminaria o presidente da República, quando na verdade o próprio delator Lúcio Funaro diz, nos vídeos, que ele nunca entregou dinheiro a Michel Temer.” O Antagonista

STJ ARQUIVA AÇÃO DE DESEMBARGADORA CONTRA O EX-PRESIDENTE DO TJ-BA

17/10/2017 
Resultado de imagem para STJ ARQUIVA AÇÃO DE DESEMBARGADORA CONTRA O EX-PRESIDENTE DO TJ-BA
Os contendores
As três queixas-crimes impetradas pela desembargadora Rosita Falcão, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), contra o ex-presidente da Corte, desembargador Eserval Rocha, foram arquivadas pela Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ). 
As queixas foram ajuizadas pela desembargadora que acusou Eserval de ser o autor de uma carta anônima enviada ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), quando ele ainda era ainda presidente do Tribunal, com denúncias contra seu marido e seu filho. 
Segundo a carta, dos dois tinham processos julgados por ela. 
A decisão da Corte Especial do STJ se refere a um recurso. Portanto, não cabe mais recurso. Política Livre

‘CRISE’ TEMER X MAIA É PRATICAMENTE COMBINADA

17/10/2017

É tão autêntica quanto a cabeleira implantada de alguns políticos a suposta “hostilidade” entre o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e o presidente da República. 
Às vésperas da votação da segunda denúncia contra Michel Temer, o deputado precisa fazer gestos e acenos para o “público interno” da Câmara, com a maior pose de “independência”, e para eleitores do Rio de Janeiro, onde é candidato a governador. 
Experiente, Temer não exige e nem espera de Maia, candidato em 2018, o sacrifício de “colar” sua imagem à de um governo impopular. 
O deputado e sua mãe sabem que ele não teria sido eleito presidente da Câmara se Temer não quisesse. 
Mais que isso, Temer o escolheu. Maia está mais afinado com Temer do que supõe a torcida juvenil pela “crise”. 
E tem sido leal ao presidente, sobretudo em momentos graves. 
Questões familiares não podem ser desprezadas: Rodrigo Maia é genro de Moreira Franco, um dos ministros mais ligados a Temer. Cláudio Humberto

FACADA NAS COSTAS

17/10/2017 
Resultado de imagem para FACADA NAS COSTAS: charges

A divulgação dos vídeos da delação premiada do contador Lúcio Funaro causou um novo confronto entre os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e da República, Michel Temer. 
Para interlocutores do Palácio do Planalto, a medida é mais uma ação de Maia para tentar constranger o governo e mostrar descolamento do presidente. 
Afinal, a história contada por Funaro é longa e lógica O governo avalia que o deputado não tinha a obrigação de colocar os vídeos no site da Câmara. 
Esta é, infelizmente, nossa realidade: revelações tão impactantes só servem para aumentar o custo da compra dos votos, não alterar a natureza deles. É o caso de dizer que estamos no mato na árvore acuados pela cachorrada. Estadão
BZ-Quem sempre leva facada pelas costas é o povo que paga os impostos e vê seu dinheiro roubado ou mal gasto por políticos inescrupulosos e incompetentes.

EUA QUESTIONAM ELEIÇÕES ESTADUAIS NA VENEZUELA

17/10/2017 
Resultado de imagem para EUA QUESTIONAM ELEIÇÕES ESTADUAIS NA VENEZUELA

O governo dos Estados Unidos denunciou as eleições estaduais na Venezuela do último domingo, afirmando que o evento mostrou “a falta de eleições livres e justas”.
Os resultados oficiais dão ao partido socialista, do presidente Nicolás Maduro, a vitória em pelo menos 17 dos 23 Estados. 
No entanto, a votação está sendo contestada pelo contraste entre os resultados e as pesquisas, que mostravam a oposição com forte liderança.
A embaixadora dos EUA na Organização das Nações Unidas (ONU), Nikki Haley, acusou Maduro de tentar silenciar as vozes das pessoas por meio da “intimidação, manipulação e obstrução dos eleitores”. 
Haley também pediu uma auditoria do processo eleitoral e descreveu maduro como ditador.Em Washington, a porta-voz do Departamento de Estado americano, Heather Nauert, disse que “enquanto o regime de Maduro se conduzir como uma ditadura autoritária”, os EUA irão usar de seu poder econômico e diplomático para ajudar os venezuelanos na restauração da democracia.Estadão

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

NOVO LÍDER AUSTRÍACO: CARINHA DE ANJO PODE SER UM BOM SINAL

16/10/2017
Resultado de imagem para NOVO LÍDER AUSTRÍACO: CARINHA DE ANJO PODE SER UM BOM SINAL
O novo líder austríaco
Jovem, dinâmico e, ainda por cima, lindo, Sebastian Kurz é o que tantos partidos em tantos países procuram nesse momento de crise de representatividade 
Como só as pessoas superficiais não se preocupam com as aparências, vamos deixar bem claro: Sebastian Kurz não tem com o que se preocupar nesse quesito. 
Com 31 anos, parece um menino perto de qualquer outro político. E nenhum rival ou aliado tem a basta cabeleira negra, os olhos azuis escuros, o maxilar cinzelado e outros atributos dele. 
Kurz é de um partido tradicional de centro-direita que praticamente “sequestrou”. Por Vilma Gryzinski/VEJA

LULA É A REENCARNAÇÃO DE UM TIRADENTES DE BOTEQUIM

16/10/2017 
Resultado de imagem para Lula e Tiradentes: charges

O devoto Wadih Damous trucida a memória do herói da Inconfidência ao compará-lo ao comandante do assalto aos cofres públicos. 
O deputado federal Wadih Damous, do PT do Rio de Janeiro, garante ter descoberto que Joaquim José da Silva Xavier reencarnou em Luiz Inácio Lula da Silva. 
Pelo menos sete diferenças sugerem que Damous foi um dos melhores alunos do Curso de Visões, Miragens e Delírios em Geral da Professora Marilena Chauí: 
1. Tiradentes foi um homem honrado. Lula é o comandante do maior esquema corrupto da História. 
2. Tiradentes assumiu durante a devassa da Inconfidência Mineira sua participação no movimento. Lula continua fazendo de conta que é um inocente cercado de bandidos por todos os lados. 
3. Tiradentes perdeu a vida por lutar pela independência da colônia de Portugal. Lula passou a vida tentando transformar o Brasil numa colônia do PT. 
4. Tiradentes teve o corpo esquartejado. Lula esquartejou a máquina administrativa, começando pela Petrobras, para reparti-la entre aliados gatunos. 
5. Tiradentes lutou pela liberdade. Lula é um autoritário juramentado. 
6. Tiradentes sempre trabalhou. Lula não tem emprego regular desde 1976, quando começou a viver de comício. 
7. Tiradentes nunca foi beberrão. Augusto Nunes/VEJA
BZ-Esse troglodita Wadih Damous, além de não saber nada sobre a história nacional, Inconfidência Mineira, perdeu uma grande oportunidade de ficar calado.

PF ENCONTRA DIGITAIS DE FUNCIONÁRIO DE LÚCIO NOS R$ 51 MILHÕES

16/10/2017
Resultado de imagem para GEDDEL E LÚCIO VIEIRA : cHARGES

Além das residências e do gabinete de Lúcio Vieira Lima, outro alvo dos mandados judiciais desta segunda é Job Ribeiro Brandão, secretário parlamentar lotado no gabinete do deputado do PMDB.
Job Ribeiro Brandão se tornou alvo da Polícia Federal porque os investigadores encontraram digitais dele no apartamento em que estavam escondidos os R$ 51 milhões e até em parte do dinheiro. 
Vinculado à Câmara desde 2010, Brandão tem salário de R$ 14,3 mil, segundo informações do Portal de Transparência da casa legislativa. Política Livre 
BZ-A PF também, fez uma busca no gabinete do deputado, no Congresso Nacional. A semana promete. É muita coisa com potencial explosivo. A denúncia de Funaro, contra o presidente Temer, o julgamento de Aécio no Senado além desses percalços do deputado Vieira Lima.

EMBRAER ANUNCIA VENDA DE SEIS AERONAVES A-29 SUPER TUCANO

16/10/2017 
Resultado de imagem para EMBRAER ANUNCIA VENDA DE SEIS AERONAVES A-29 SUPER TUCANO
Aviões Tucanos, os tucanos de valor.
A Embraer anunciou nesta segunda-feira (16) a venda de seis aeronaves de ataque leve e treinamento avançado A-29 Super Tucano. 
O cliente e os valores do pedido não foram revelados pela empresa. 
Segundo a fabricante de aeronaves brasileira, as entregas serão concluídas em 2018. 
Os aviões poderão ser utilizados para treinamento tático e avançado bem como em missões de ataque leve e ISR (inteligência, vigilância e reconhecimento). 
O Super Tucano é um avião turboélice capaz de executar missões como ataque aéreo leve, vigilância, interceptação aérea e contra-insurgência. 
O modelo tem mais de 320 mil horas de voo e mais de 40 mil horas de combate. 
A aeronave conta sistemas eletrônicos, eletroópticos, infravermelho e laser e sistemas de rádios seguros com enlace de dados e capacidade de armamentos. Por G1/Vale do Paraíba e Região

EX-MINISTRA PETISTA GLEISI HOFFMANN VAIADA DURANTE PASSEIO À RÚSSIA

16/10/2017
Resultado de imagem para EX-MINISTRA PETISTA GLEISI HOFFMANN VAIADA DURANTE PASSEIO À RÚSSIA
O ex-ministro Paulo Bernardo e sua esposa a senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT
A senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, e o ex-ministro Paulo Bernardo foram vaiados neste domingo durante visita ao Museu Hermitage, na cidade russa de São Petersburgo. 
Ambos réus na Lava Jato, o casal foi verbalmente hostilizado por grupo de brasileiros que também visitava o local. 
Preso dia 23 de junho de 2016, na Operação Custo Brasil, Paulo Bernardo foi libertado uma semana depois, por decisão do ministro do STF Dias Toffoli. 
Um dos maiores museus do mundo, o Hermitage é considerado uma das grandes atrações de arte e cultura da cidade. 
Costuma-se dizer que para conseguir ver todas as obras de arte do Hermitage, com gigantismo orgulha São Petesburgo, são necessárias ao menos três visitas de quatro horas de duração. 
A informação sobre a vaia foi revelada pela jornalista Sônia Racy, de O Estado de S. Paulo. Diário do Poder
BZ-Devido à divulgação pela Internet, as posições da senadora estão tendo divulgação e provocando reações.

MAIA É CORTEJADO POR ALA ANTI-TEMER DO PMDB, DIZ COLUNA

16/10/2017
Resultado de imagem para MAIA É CORTEJADO POR ALA ANTI-TEMER DO PMDB, DIZ COLUNA: charges

O pé atrás do Planalto com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, aumentou depois de relatos de que o demista participou de jantar na companhia dos senadores Renan Calheiros e Kátia Abreu, os maiores críticos do presidente Temer no PMDB. 
Segundo a Coluna do Estadão, no cardápio, regado a vinho, falaram da chance de Temer não sobreviver à segunda denúncia e trataram de cargos num eventual governo Maia. 
O presidente da Câmara confirma ter participado do jantar na casa da senadora, mas nega que o assunto tenha sido o pós-Temer. 
“Recomposição [do governo] não tratamos”. Falaram sobre o que? “Jogo do Botafogo”. Deputados pró-Maia também participaram do jantar que ocorreu semanas atrás. 
Combinaram que numa gestão do demista, Moreira Franco seria mantido, mas fora do Planalto. Estadão

SOMÁLIA: GOVERNO CONFIRMA AO MENOS 277 MORTOS E 300 FERIDOS EM ATENTADOS

16/10/2017
Imagem relacionada

Ao menos 277 mortos foram confirmados no duplo atentado em Mogadíscio, capital da Somália, no leste da África, ocorrido no último sábado (14). 
De acordo com a rede CNN, o Ministério da Informação somali informou que 300 pessoas feridas ainda continuam em hospitais após os ataques com caminhões-bomba. 
Entre os feridos, 40 foram encaminhados por meio aéreo à Turquia para tratamento. Até agora nenhum grupo terrorista reclamou a responsabilidade sobre os atentados. Bahia Notícias 
BZ-A violência insana desses terrorista, parecem não ter fim nem limites.