segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

NO RIO, LULA VOLTA A ATACAR LAVA JATO E IGNORA CRIMES DE EX-ALIADOS

11/12/2017
Resultado de imagem para Lula em comício: charges

Em seu último dia de caravana pelo Rio, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a fazer críticas à Operação Lava Jato e ao juiz federal Sérgio Moro. 
Condenado a 9 anos e 6 meses de prisão pelo juiz do Paraná, Lula fez de sua passagem pelo Estado um palanque para ataques contra as investigações de corrupção pelo País, chegando a colocar em xeque as acusações contra os ex-governadores fluminenses Sérgio Cabral, Anthony Garotinho e Rosinha Matheus. 
“O Rio não merece a crise que está passando. Não merece ter governadores presos porque roubaram. 
Eu nem sei se isso é verdade, porque não acredito em tudo o que a imprensa fala. É importante investigar, saber a verdade”, disse Lula. 
Em visita ao campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, no município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, Lula atacou o instrumento da delação premiada, um dos pilares da Lava Jato e fez críticas ao governo Michel Temer. 
“Vamos ver: onde está morando o Paulo Roberto (Costa, primeiro delator da Lava Jato)? Onde está morando o Sérgio Machado (ex-presidente da Transpetro que também fez acordo)? 
Onde estão morando as pessoas que prestaram delações? Estão fumando charuto cubano, tomando conhaque e rindo da nossa cara, quem está f… é o trabalhador”, disse. 
“Estão jogando a culpa da miséria do País na Previdência Social” afirmou Lula, que ainda disse que o presidente Michel Temer “não é um presidente, é um instrumento do poder financeiro brasileiro”. 
Durante sua passagem pelo Rio, Lula colocou em prática parte da narrativa que pretende adotar na campanha eleitoral. 
O ex-presidente dosou o tom contra a Lava Jato misturando elogios ao combate à corrupção e culpando a operação por parte da crise econômica do País. 
“A Lava Jato fez um trabalho extraordinário, ela está conseguindo recuperar R$ 1,4 bilhão, mas ela significou um prejuízo ao País de R$ 140 bilhões. O juiz Moro e o Ministério Público têm que saber que se alguém nesse País brigou contra a corrupção foi o PT”, afirmou Lula, para uma plateia de estudantes, professores e funcionários da universidade. 
Com Lula, estavam o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, cotado para concorrer pelo PT ao governo do Rio, e o senador Lindbergh Farias (PT-RJ). Procurado quando participava de uma solenidade na Petrobras, Moro recusou-se a comentar as declarações do ex-presidente. Afirmou que não comentava posições de condenados. Estadão 
BZ-Pelo pensamento do Lula, roubar dinheiro público não é crime passível de prisão. Podem roubar à vontade! Será que ele estaria já estruturando uma nova linha de sua defesa?

MORRE O ESCRITOR E JORNALISTA GAÚCHO LUIZ CARLOS MACIEL

11/12/2017
Resultado de imagem para MORRE O ESCRITOR E JORNALISTA GAÚCHO LUIZ CARLOS MACIEL

Morreu neste sábado, 9, no Rio, aos 79 anos, o escritor, jornalista e roteirista gaúcho Luiz Carlos Maciel. 
Nascido em Porto Alegre, em 1938, Maciel ficou conhecido como guru da contracultura brasileira no fim da década de 1960, quando escrevia sobre movimentos alternativos culturais para O Pasquim, jornal que ajudou a fundar. Também diretor teatral, Maciel estava internado no Hospital Copa D’Or, no Rio, desde o dia 26 de novembro, em decorrência do agravamento do quadro infeccioso do enfisema, uma doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Segundo sua filha Lúcia, ele morreu vítima de falência múltipla dos órgãos. Estadão Conteúdo 
BZ-Conheci o Maciel, nos idos dos anos 60, quando ele era diretor da Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. Eu, um jovem adolescente ávido por conhecimento, era frequentador assíduo dos shows e peças apresentadas no auditório da Escola, um dos poucos locais onde se podia falar livremente, nos tempos da ditadura militar. Além disso era grátis. É realmente uma grande perda para a inteligência brasileira.

MORRE A ATRIZ EVA TODOR, AOS 98 ANOS

11/12/2017 

A atriz Eva Todor morreu na manhã deste domingo, 10 de dezembro, em sua casa, no Rio de Janeiro. Ela tinha 98 anos. 
Eva Todor sofria de Mal de Parkinson e estava longe da TV desde a novela “Salve Jorge”, da rede Globo, exibida em 2012. 
Nascida em Budapeste, capital da Hungria, Eva atuou em 21 trabalhos entre telenovelas, minisséries e especiais. 
No gênero, seu papel mais marcante foi o de Kiki Blanche, na novela “Locomotivas” (1977). Foram 80 anos de carreira. 
De acordo com uma funcionária de um amigo de Eva, Marcelo Del Cima, ele foi à casa da atriz na manhã deste domingo, pois Eva estaria passando mal. Ela era viúva e não deixa filhos. Política Livre

“PREFIRO COMBATÊ-LO NA URNA A VÊ-LO NA CADEIA”, DIZ FHC SOBRE LULA

11/12/2017
Resultado de imagem para “PREFIRO COMBATÊ-LO NA URNA A VÊ-LO NA CADEIA”, DIZ FHC SOBRE LULA: chaeges

Em um discurso de improviso, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso lembrou nesta manhã, durante a convenção nacional do PSDB, que já derrotou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva duas vezes nas eleições, mas que o partido tem seus valores e que estes valores precisam primar sobre os interesses eleitorais. 
“Prefiro combatê-lo na urna a vê-lo na cadeia”, disse o presidente de honra do partido. Em sua fala, FHC sugeriu que o partido ouça mais a população, que por sua vez está irritada e enojada com a classe política e pregou que é preciso voltar a sentir o orgulho de ser brasileiro. 
“Vamos ser gente como a gente, precisamos de mais povo”, conclamou. O ex-presidente ressaltou que a população quer melhorar sua vida, precisa de segurança, saúde e educação, temas que afetam a todos. 
Ele reclamou que “é duro assistir à tragédia que o País passou” e “arruinou” a nação, uma vez que a corrupção tomou parte da política brasileira. “Precisamos entender que nós também erramos e temos de corrigir o que erramos”, enfatizou. 
FHC fez duras críticas às estruturas partidárias, que segundo ele ficaram envelhecidas. 
Para o tucano, a existência de 28 partidos políticos no País não é normal, é uma “sopa de letra”, não agremiação partidária. 
O ex-presidente previu que o povo pode voltar às ruas se os governos “errarem muito”. 
“Sei que muita coisa foi errada, mas temos forças suficientes para reconstruir o PSDB”, disse. 
Em um claro sinal de apoio à reforma da Previdência, FHC disse que o sistema previdenciário é insustentável e que a sigla vai votar a favor das reformas. 
“Sei que o mercado financeiro é importante, mas nosso guia é emprego e crescimento”, orientou. 
O ex-presidente disse que o País precisa de estratégia e o partido precisa tomar uma posição, “sentir na pele que o Brasil é um País de pobres”. 
Ao cumprimentar Alckmin, FHC elogiou seu comportamento simples, disse que o governador de São Paulo nunca mudou e que o Brasil precisa de “gente assim”. 
“Líder é quem forma maioria e o PSDB tem de formar maioria”, observou. Estadão 
BZ-FHC errou redondamente quando não apoiou a cassação rápida do Lula logo no início do Mensalão. FHC pensou que seria melhor deixar o Lula, ferido mortalmente pelas fortes e evidentes denúncias de corrupção, continuasse sangrando lentamente até morrer. Não foi o que aconteceu. Lula não só não morreu, com se recuperou, se fortaleceu, se reelegeu e ainda elegeu seu “poste” Dilma Roussef. Os resultados estão aí, e pagamos caro por esta decisão. .

ÍNDICES APONTAM MELHORA DA ECONOMIA, MAS CONSUMIDOR AINDA ESTÁ RECEOSO EM GASTAR

11/12/2017 
Resultado de imagem para ÍNDICES APONTAM MELHORA DA ECONOMIA, MAS CONSUMIDOR AINDA ESTÁ RECEOSO EM GASTAR

Embora os indicadores econômicos mostrem uma retomada gradual da economia, os brasileiros ainda não sentiram grande diferença no bolso. 
Neste final de ano, os consumidores se empenham em pesquisas de preço e o amigo oculto vira uma saída para reduzir os gastos com presentes no Natal. 
Na família da aposentada Anaeli da Costa, 62 anos, a brincadeira já virou tradição. 
“Como sempre, a gente não dá presente. Se der para comprar alguma lembrancinha, a gente compra, senão, só participa mesmo das festas e do amigo oculto, que a gente faz todo ano”, diz. 
Nesta semana, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). 
De janeiro a novembro, o índice registrou um acumulado de 2,5%, o menor resultado nos primeiros 11 meses desde 1998, quando a taxa ficou em 1,32%. 
“Mas ainda não vimos nenhuma melhora. Os preços não estão diminuindo. O preço acompanha a gasolina, se a gasolina sobe todo dia, os preços também vão subir, porque o nosso transporte é todo terrestre”, diz Anaeli. 
A insegurança faz com que a dona de casa Maísa Flores, 50 anos, invista mais nas pesquisas de preço. 
“A gente não sabe o que vai acontecer, o desemprego é grande demais, as coisas estão caras demais, você precisa pesquisar e andar muito, senão não compra. 
É diferente dos outros anos, que você podia comprar porque sabia que lá na frente ia ter um retorno”, diz. 
“Vamos esperar para ver o que vai acontecer, meter os pés pelas mãos realmente não dá. As contas e as dívidas não param”, diz. Mariana Tokarnia, Agência Brasil 
BZ-Mesmo sendo verdade que alguns itens da economia apresentam números animadores, recomenda-se cuidado com seus gastos, seu dinheirinho...

IMPORTAÇÃO CRIMINOSA DE ETANOL FAZ O BRASIL PERDER R$2,2 BILHÕES

11/12/2017 
Resultado de imagem para IMPORTAÇÃO CRIMINOSA DE ETANOL FAZ O BRASIL PERDER R$2,2 BILHÕES: charges

A importação de etanol podre e poluente do Estados Unidos, com zero de impostos, fez o Brasil perder em divisas, em 2017, mais de 2 bilhões e 230 milhões de reais (680 milhões de dólares) segundo dados oficiais.
Somente este ano foram importados quase 1,8 bilhão de litros de etanol poluente, à base de milho, sendo 1,6 bilhão de litros destinados ao Nordeste, com o objetivo de prejudicar os produtores. 
A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder. 
A estratégia dos distribuidores (grupos do Sudeste também produtores de etanol) é fragilizar destilarias do Nordeste para comprá-las a preço de banana, como o fizeram em São Paulo e Minas.
A importação é desnecessária porque a produção nacional de etanol é suficiente para abastecer o País, seja anidro ou hidratado. 
Destinada 90% ao Nordeste, onde a produção de etanol gera 400 mil empregos paga impostos, a importação criminosa provoca superoferta. Diário do Poder
BZ-Onde estão as autoridades brasileiras responsáveis pelo comércio externo do Brasil? 

PF CONFISCA 155 JOIAS DE PICCIANI

11/12/2017
Resultado de imagem para as jóias da coroa: charges

A Polícia Federal apreendeu, na casa do presidente licenciado da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), 155 joias e nove relógios durante as buscas da Operação Cadeia Velha, em 14 de novembro. 
Os agentes pegaram também o celular da mulher do deputado. Picciani e os deputados estaduais Paulo Melo e Edson Albertassi, também do PMDB, foram presos em 21 de novembro. 
O Ministério Público Federal denunciou os peemedebistas e outros 16 investigados na terça-feira, 5, por corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro e associação criminosa. 
O Ministério Público Federal aponta que Picciani recebe propinas desde os anos 1990 e não deixou de receber mesmo quando ficou sem mandato, entre 2011 e 2014. Segundo a acusação, o deputado e o filho Felipe Picciani usaram a agropecuária Agrobilara para lavar ativos via operações de venda de gado. 
Na lista de joias apreendidas na casa de Picciani estão 34 aneis, 68 pares de brincos, 26 cordões, duas gargantilhas e 25 pulseiras. A PF confiscou ainda um Porsche Cayenne, um Gol e um Toyota Corolla. 
Em um endereço ligado a Picciani, no centro do Rio, a PF pegou computadores, um ‘envelope branco pequeno contendo papéis rasgados encontrado no lixo’, três cheques de R$ 5 mil e um ‘cronograma geral de gastos com veículos de comunicação ALERJ’. 
No gabinete do peemedebista na sede da Assembleia, os agentes apreenderam computador, documentos e comprovante de transferência bancária de R$ 30 mil. Estadão 
BZ-Ultimamente, jóias passaram a ser uma maneira de esconder patrimônio amealhado com dinheiro ilícito. 

O PAÍS TEM 290 MIL PRESOS SEM SENTENÇA E SUPREMO COGITA LIBERAR LARÁPIOS VIPS

11/12/2017 
Imagem relacionada

O Ministério da Justiça divulgou dados atualizados sobre a população carcerária. 
Um detalhe chama especial atenção: há no Brasil cerca de 290 mil presos sem julgamento. Isso corresponde a 40% do total de encarcerados: 726 mil pessoas. 
É contra esse pano de fundo que o Supremo Tribunal Federal analisa a hipótese de abrir as portas das celas para os endinheirados e poderosos condenados duas vezes. 
Repetindo: num país em que 290 mil cidadãos pobres mofam atrás das grades sem julgamento, a Suprema Corte cogita rever a regra que prevê a prisão de larápios VIPs condenados um par de vezes, na primeira e na segunda instância. 
Para a casta superior, o direito de recorrer em liberdade. Se possível, até a prescrição dos crimes. 
Às favas com a dupla condenação! São inocentes até prova em contrário. 
Quanto aos miseráveis, são culpados até prova em contrário. Se possível, vão em cana como prova em contrário. 
Assim, não é que o crime não compensa. É que no Brasil, quando compensa, ele tem outro nome. Chama-se impunidade. Josias de Souza 
BZ-A Lei não é igual para todos...

DILMÊS ESCRITO

11/12/2017
Resultado de imagem para DILMÊS ESCRITO: charges

Pela clareza na exposição de argumentos vazios, Dilma Rousseff foi a revisora do último texto que Gleisi Hoffmann publicou no site do PT. 
“As políticas dos governos do PT impactaram na desnaturalização da pobreza e das discrepâncias, provando que a desigualdade social em toda a sua complexidade não é algo dado e irreversível. 
Ela pode e deve ser mudada com vontade política e com intervenções de um estado forte, presente e responsável”. (Gleisi Hoffmann, em artigo publicado no site do PT, revelando que andou tendo aulas de economia e escrita criativa com Dilma Rousseff depois que a ex-presidente foi despejada do Palácio do Planalto por justíssima causa) Por Augusto Nunes/Veja
BZ-Entendo que estado forte é ditadura. 

ALMAS GÊMEAS

11/1/2017 
Resultado de imagem para Dilma e Gleisi, almas gêmeas
Sérgio Cabral, Dilma e Lindbergh
O cabo eleitoral de Sérgio Cabral e Jorge Picciani culpa o PMDB pela falência do Rio. 
“A Dilma teve o azar de ter o PMDB no governo com o Cunha manipulando contra ela o tempo todo. Enganaram o povo da Baixada Fluminense e deram o golpe”. (Lindbergh Farias, em seu Twitter, fingindo que não enganou o povo da Baixada Fluminense ao juntar-se a Sérgio Cabral e Jorge Picciani, chefões do PMDB mais corrupto do país, tanto nos palanques quanto no assalto aos cofres do Rio de Janeiro). Blog do Augusto Nunes/VEJA

‘É UMA MOVIMENTAÇÃO NORMAL’, DIZ GENERAL DESTITUÍDO DE CARGO APÓS CRITICAR TEMER

11/12/2010

O general Antônio Hamilton Martins Mourão disse ao Estadão/Broadcast neste sábado que suas declarações são mal interpretadas e negou ter insinuado que o presidente Michel Temer praticou crimes durante a palestra que deu na quinta-feira ao grupo Terrorismo Nunca Mais, em Brasília. 
Na ocasião, ele afirmou que Temer governava com um “balcão de negócios”, elogiou a pré-candidatura presidencial do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e voltou a sugerir possibilidades de as Forças Armadas intervirem no governo. 
Mourão classificou seu afastamento do cargo de secretário de Economia e Finanças do Comando do Exército como uma “movimentação normal”. Ele ainda negou que tenha ouvido repreensão do comandante do Exército, Eduardo Villas Bôas. 
“É uma movimentação normal dentro do Exército. Meu comandante não me falou nada (sobre a palestra). Eu não fiz comentário a respeito do presidente. Eu apenas retratei cenários que estão sendo colocados hoje. 
Não chamei o presidente de corrupto, de ladrão nem de incompetente”, afirmou. Estadão 
BZ-O fato demonstra que há uma certa insatisfação no alto comando do Exercito. Para os militares, valores como hierarquia e disciplina são “sagrados”. Em 1964, o movimento militar foi deflagrado com base na quebra da hierarquia. O estopim foi quando o Cabo Anselmo (um agitador que se supunha comunista, mas que, na realidade estava a serviço da CIA) ao invés de bater a protocolar continência para o presidente João Goulart, estendeu-lhe e apertou sua mão. Resta saber se o general fala apenas em seu nome próprio, ou se é o porta-voz não oficial do alto comando do Exército. Uma coisa é certa, os militares não tolerarão um condenado ela Justiça, sentado na cadeira de Presidente da República...

IRAQUE: GUERRA CONTRA ESTADO ISLÂMICO ‘ESTÁ ENCERRADA’, DIZ GENERAL

11/12/2017 
Resultado de imagem para IRAQUE: GUERRA CONTRA ESTADO ISLÂMICO ‘ESTÁ ENCERRADA’, DIZ GENERAL: charges

A guerra contra o Estado Islâmico está encerrada, afirmou o comandante iraquiano General Abdul-Amir Rasheed Yar Allah. 
As operações de combate contra os extremistas, declarou, foram concluídas após forças iraquianas retomarem o controle da fronteira entre Iraque e Síria. 
“Todas as áreas do Iraque foram liberadas do controle de terroristas Daesh e nossas forças estão no controle da fronteira internacional Iraque-Síria”, diz o general em comunicado. 
No verão de 2014, combatentes do Estado Islâmico tomaram cerca de um terço do território iraquiano, incluindo a cidade de Mosul a segunda maior do país. 
Nos últimos três anos e meio, soldados iraquianos apoiados pela coalizão liderada por militares norte-americanos recuperaram os territórios dos extremistas, que ainda seguem capazes de fazer ataques-surpresa. Política Livre  
BZ-Gostaria muito que isso fosse verdade...O mundo ficaria mais aliviado!

domingo, 10 de dezembro de 2017

SE CONDENADO NO TRF4, LULA VIRA LOGO FICHA SUJA

10/12/2017 
Resultado de imagem para SE CONDENADO NO TRF4, LULA VIRA LOGO FICHA SUJA: charges

Caso o ex-presidente Lula perca os recursos que impetrou no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), após a condenação a 9 anos e seis meses pelo juiz Sérgio Moro, ele estará fora da disputa de 2018 em razão da Lei da Ficha Limpa, cujo artigo 15 impede o registro da candidatura do condenado por órgão colegiado. 
É o caso do TRF-4. Ainda que solto, o ex-presidente permanecerá inelegível por 8 anos.  “Quem se candidata a um cargo precisa preencher conjunto de requisitos estabelecidos”, preconizou o ministro Edson Fachin no STF.  
Advogados de Lula sinalizam que vão recorrer a liminar para garantir sua candidatura. 
Mas a medida não resistirá ao julgamento de mérito. A lei da ficha limpa torna inelegível quem foi condenado por órgão colegiado, teve o mandato cassado ou renunciou para evitar cassação.  
“Fatos anteriores à inscrição da candidatura podem ser levados em conta”, disse Fachin em julgamento deste ano sobre a aplicação da lei. Cláudio Humberto

sábado, 9 de dezembro de 2017

POLICLÍNICA REGIONAL EM IRECÊ COMEÇA A FUNCIONAR NA SEGUNDA-FEIRA

09/12/2017 
Resultado de imagem para policlinica guanambi

A Policlínica Regional em Irecê começa a funcionar na próxima segunda-feira (11) oferecendo exames de alta complexidade e atendimento em diversas especialidades para 22 municípios da região.
A unidade será entregue pelo governador Rui Costa nesta sexta-feira (8), às 16h, com a participação dos representantes das prefeituras que integram consórcio de saúde responsável pela gestão da policlínica. 
Além de Irecê, a unidade vai atender a população dos municípios de América Dourada, Barra do Mendes, Barro Alto, Cafarnaum, Canarana, Central, Gentil do Ouro, Ibipeba, Ibititá, Itaguaçu da Bahia, João Dourado, Jussara, Lapão, Morro do Chapéu, Mulungu do Morro, Presidente Dutra, São Gabriel, Souto Soares, Tapiramutá, Uibaí e Xique-Xique.

CONGRESSO NACIONAL É REPROVADO POR 60% DA POPULAÇÃO, DIZ DATAFOLHA

09/12/2017 

A rejeição ao trabalho de deputados e senadores do Congresso Nacional atingiu o recorde histórico de 60%, segundo pesquisa do Instituto Datafolha divulgada nesta quarta-feira. 
Esse é o índice dos que consideram ruim ou péssimo o trabalho dos parlamentares em Brasília, aponta o levantamento realizado entre os dias 29 e 30 de novembro.
A aprovação dos 513 deputados e 81 senadores caiu para 5%, o menor índice também, desde que a série de pesquisas sobre o desempenho dos congressistas passou a ser realizada, em 1993, ano do escândalo que ficou conhecido como "Anões do Orçamento", esquema formado por políticos que desviavam recursos públicos. 
Naquele ano, a rejeição da população aos congressistas bateu nos 56%. 
Os números de agora oscilaram negativamente em relação aos dois últimos levantamentos, em dezembro de 2016 e abril de 2017, quando a rejeição aos políticos foi de 58% e a aprovação ficou em 7%. Chico Prado/O Globo

KADAFI INVESTIU US$ 1 MILHÃO NA CANDIDATURA DE LULA, DIZ PALOCCI

09/12/2017

Kadafi e Lula
Lula e seu "irmãozinho", o sanguinário ditador Kadafi 
A capa da revista Veja deste fim de semana diz que, segundo o ex-ministro Antonio Palocci, o PT recebeu US$ 1 milhão do ditador líbio Muamar Kadafi, morto em 2011, para a campanha de Lula em 2002. 
Palocci, segundo a publicação, prometeu contar a história no acordo de delação premiada que está negociando. 
A lei veta o uso de dinheiro de “procedência estrangeira” em casos como esse e uma das punições previstas é a cassação do registro do partido. Política Livre. 
BZ-Enquanto Kadafi era o todo-poderoso da Líbia, o Lula se referia a ele como “meu irmãozinho”. O sanguinário ditador Kadafi foi deposto pelo pelo povo líbio, assassinado e teve seu corpo vilipendiado, e o Lula não deu nem uma nota de repúdio, ou de solidariedade ao “meu irmãozinho”. OPORTUNISTA!

TRIBUNAL NEGA OUTRA VEZ A LULA SUSPEIÇÃO DE MORO

09/12/2017 
Resultado de imagem para Lula versus Moro: charges

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região voltou a negar pedido de suspeição contra o juiz federal Sérgio Moro movido pela defesa ex-presidente Lula. 
A Corte rejeitou embargos de declaração movidos pelos advogados do ex-presidente contra a decisão inicial que negou pedido de suspeição no Tribunal. 
As informações são do Tribunal Regional Federal da 4ª Região. 
A reportagem entrou em contato com a defesa. O espaço está aberto para manifestação. Estadão 
BZ-Depois de cometer os crimes que cometeu, Lula ainda quer decidir qual o juiz que deve julga-lo. Ele ainda pensa em mudar as coisas na base do "gogó". Na Justiça vale mais a Lei!

VANGUARDA DO ATRASO

09/12/2017 
Resultado de imagem para os eror de Lula: charges

Boulos questiona os erros de Lula. Guilherme Boulos disse que Lula deve ser cobrado por seus erros: “Tenho o maior respeito pelo Lula, pela sua trajetória, pelo o que ele representa. 
Ele deve ser reconhecido nos acertos, mas deve ser questionado nos erros de seu governo.” Quais erros? 
Segundo o Congresso em Foco, Guilherme Boulos citou apenas um: “Eu não acho admissível em um momento como esse elogiar o Meirelles e andar com Renan e Eunício.”
O líder do MTST, por outro lado, considerou um acerto a propina que Lula embolsou da OAS e da Odebrecht. 
De fato, ele disse que quem errou, nesse caso, foi o juiz Sérgio Moro. O Antagonista
BZ-Será que as serpentes começam a se atacarem entre si?

STF QUEBRA SIGILO BANCÁRIO E FISCAL DE AÉCIO NEVES

09/12/2017 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, decretou a quebra de sigilo fiscal e bancário do senador Aécio Neves (PSDB). Período alcançado pela medida vai de 1ª janeiro de 2014 até 18 de maio deste ano, “a fim de rastrear a origem e o destino dos recursos supostamente ilícitos”. 
A quebra de sigilo se estende a outros investigados na Operação Patmos – suposta propina de R$ 2 milhões da JBS para o senador. 
São alvos da cautelar a irmã e o primo do tucano, Andrea Neves e Frederico Pacheco, o assessor do senador Zezé Perrella (PMDB-MG) Mendherson Souza, e as empresas Tapera e ENM Auditoria e Consultoria. 
De acordo com as investigações, o senador teria acertado supostas propinas de R$ 2 milhões com os executivos Joesley Batista e Ricardo Saud, da J&F. Estadão

‘NÃO SE PODE PRENDER PARLAMENTARES PREVENTIVAMENTE’, DIZ GILMAR AO DEFENDER IMUNIDADE

09/12/2017
Resultado de imagem para Gilmar mendes corrupto: charges

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), fez nesta quinta-feira (7) uma contundente defesa da classe política e votou a favor das imunidades a deputados estaduais previstas nas Constituições dos Estados do Rio de Janeiro, Mato Grosso e Rio Grande do Norte. 
Para Gilmar, a prisão preventiva não se justifica para políticos, nem mesmo em caso de prisões em flagrante. 
“A interpretação evolutiva deve ser que nem mesmo a prisão em flagrante garante que ele responderá ao processo preso. 
Não se pode prender parlamentares preventivamente”, disse o ministro. Para ele, o Judiciário “não pode aproveitar um mau momento da classe política” para retirar garantias historicamente conferidas tanto aos parlamentares federais como estaduais. 
A manifestação ocorreu durante sessão plenária que decide sobre as imunidades de deputados estaduais, contestadas por três ações da Associação Brasileira de Magistrados (AMB). 
A presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, interrompeu o ministro para afirmar que o poder Judiciário não faz “demonização da política”. 
“Quem deve à sociedade tem encontro marcado e necessariamente será julgado, seja ele do Judiciário do Executivo ou do Legislativo”, disse Cármen. Estadão 
BZ-O ministro Gilmar Mendes sempre trabalha na vanguarda do atraso. Está sempre contra os avanços que poderiam levar o país a uma república mais compatível como nome. 

JUÍZA NA BAHIA RECEBEU R$ 83 MIL EM NOVEMBRO.

09/12/2017
Imagem relacionada

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) enviou ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) uma planilha com os salários de todos os seus juízes, seguindo orientação do órgão. 
A ministra Cármen Lúcia, presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que todos os tribunais do país enviassem as informações de remuneração dos magistrados até a meia noite de ontem. 
Apesar disso, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (que abrange a Bahia) e o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) não enviaram os seus dados. 
Na planilha divulgada, que tem como referência o mês de novembro, Marivalda Almeida Moutinho, juíza substituta de segundo grau da área criminal de Salvador, aparece com salário líquido de R$ 83 mil – cerca de R$ 59 mil de “direitos eventuais”, que incluem férias, abono, substituição, gratificação natalina e outros benefícios. 
Outros salários altos são de desembargadores. A desembargadora Márcia Borges Faria recebeu no mês R$ 61.856,45. 
O desembargador Luiz Fernando Lima recebeu em novembro R$ 41.346,17. Outro desembargador, José Olegário Monção Caldas recebeu R$ 42.137,32 e a desembargadora Ivete Caldas Silva Freitas Muniz recebeu R$ 42.021,27.Segundo o CNJ, a medida que os tribunais forem enviando as informações, elas serão publicadas no portal do órgão. Correio* 
BZ-Os tribunais não queriam entregar as folhas de pagamento, para não revelar que muitos magistrado recebiam acima do valor máximo permitido por lei (R$ 33 mil). Belo exemplo de cumprimento à Lei, estão dando esses magistrados.

GENERAL ACUSA TEMER DE FAZER BALCÃO DE NEGÓCIOS, ELOGIA BOLSONARO E VOLTA A DEFENDER INTERVENÇÃO

09/12/2017 
Resultado de imagem para GENERAL ACUSA TEMER DE FAZER BALCÃO DE NEGÓCIOS, ELOGIA BOLSONARO E VOLTA A DEFENDER INTERVENÇÃO

O general da ativa Antônio Hamilton Martins Mourão afirmou que o presidente da República, Michel Temer, faz do governo um balcão de negócios para manter-se no poder e elogiou a pré-candidatura presidencial do deputado e capitão da reserva do Exército Jair Bolsonaro (PSC-RJ). 
A Constituição estabelece que as Forças Armadas são, em última instância, subordinadas ao presidente. 
Ele também voltou a fazer uma defesa da intervenção militar como solução para a crise política no Brasil durante palestra proferida nesta quinta-feira, em Brasília. 
“Não há dúvida que atualmente nós estamos vivendo a famosa Sarneyzação (em referência ao ex-presidente José Sarney). 
O nosso atual presidente vai aos trancos e barrancos buscando se equilibrar e mediante o balcão de negócios chegar ao final de seu mandato”, disse o general. 
Em setembro, Mourão falou três vezes na intervenção militar enquanto proferia uma palestra na Loja Maçônica Grande Oriente, também em Brasília: “Ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor isso”. 
Apesar da repercussão negativa, o ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), e o comandante do Exército, Eduardo Villas Bôas, acertaram que não haveria punição ao oficial. 
No governo Dilma Rousseff, ele fez críticas à então presidente e perdeu o comando direto sobre tropas do Sul, passando a ocupar o cargo atual de secretário de Economia e Finanças do Comando do Exército, de ordem administrativa. 
Na quinta-feira, Mourão discursou a convite do grupo Terrorismo Nunca Mais (Ternuma). Gravações da íntegra da palestra foram divulgadas na internet por grupos de direita defensores de uma intervenção das Forças Armadas. 
“Se o caos for ser instalado no País, e o que a gente chama de caos, não houver mais um ordenamento correto, as forças institucionais não se entenderem, não chegarem a uma conclusão daquilo que tem que ser feito, terá que haver um elemento moderador e pacificador nesse momento, atuando exatamente dentro dos três pilares que foram colocados pelo nosso comandante. 
Mantendo a estabilidade do País e não mergulhando o País na anarquia, agindo dentro da legalidade, ou seja, dentro dos preceitos constitucionais e dos nossos objetivos nacionais permanentes e usando a legitimidade que nos é dada pela população brasileira”, afirmou. Estadão
BZ-Fax tempo que o general vem mandando recados aos políticos brasileiros. A deterioração dos valores políticos, o aumento da corrupção, a inquietação de certas camadas populares, vem inquietando os militares. Espero que não cheguemos a uma intervenção, mas...

IMBASSAHY PEDE DEMISSÃO DA SECRETARIA DE GOVERNO; MARUN VAI ASSUMIR A PASTA

09/12/2017 
Resultado de imagem para IMBASSAHY PEDE DEMISSÃO DA SECRETARIA DE GOVERNO; MARUN VAI ASSUMIR A PASTA: charges

O ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, pediu demissão nesta sexta-feira, um dia antes da convenção do PSDB. 
O deputado Carlos Marun (PMDB-MS) deve assumir o lugar de Imbassahy, cuidando da articulação política com o Congresso num momento em que o governo tenta votar a reforma da Previdência na Câmara. 
Em carta de três páginas enviada ao presidente Michel Temer, Imbassahy disse que foi um grande desafio atuar na função em um período de radicalização pós-impeachment, com uma grande fragmentação partidária, “em meio a enormes dificuldades econômicas e fiscais”. 
“Agora precisamos novamente do apoio do Congresso para avançar com a reforma da Previdência, garantindo sustentabilidade ao sistema em benefício das próximas gerações”, escreveu o ex-ministro, que reassumirá seu mandato de deputado federal. 
Na carta, Imbassahy não menciona o racha do PSDB, que neste sábado elege o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para a presidência do partido. 
Até agora, os tucanos estão divididos e a maioria não avaliza as mudanças propostas por Temer para a aposentadoria. 
Ao dizer que “novas circunstâncias se impõem no horizonte”, o ex-ministro afirma que o PSDB “decidiu apoiar o governo sem contrapartida alguma, além de um compromisso programático”. 
Na prática, a saída de Imbassahy da equipe dilui o impacto político da convenção do PSDB, que será realizada neste sábado, em Brasília. 
“Essa questão do desembarque é página virada”, disse o líder da bancada do PSDB na Câmara, Ricardo Tripoli (SP). 
O titular das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, permanecerá no posto. A ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, deverá deixar o cargo nos próximos dias. 
A saída de Imbassahy já era assunto no Planalto desde novembro, após a saída do também tucano Bruno Araújo do Ministério das Cidades. Estadão
BZ-Se a queda do Imbassahy é ruim, a subida de Marum é péssima. Trata-se de uma pessoa truculenta e não me parece apropriada ao cargo.